Presidente do Solidariedade se coloca como uma proposta que tem viabilidade política e eleitoral

Por Habacuque Villacorte – Da Equipe Cinform On Line 

Candidato a prefeito de Aracaju em 2012 e 2016, e a vice-prefeito em 2020, o ex-deputado federal Valadares Filho (Solidariedade) confirmou, com exclusividade para a reportagem do Cinform On Line, que seu nome está à disposição do agrupamento para novamente tentar chegar ao comando do Executivo Municipal. Ele, inclusive, entrará em contato com os representantes dos partidos que compõem a Federação PT/PV/PCdoB, como também da Frente Democrática que está na base do governo Lula (PT), como o PSOL e o PDT do prefeito Edvaldo Nogueira.

Na noite desse domingo (26), Valadares Filho surpreendeu com a publicação de uma nota em sua conta no X (antigo twitter) se colocando “no páreo” na capital. “Após a sugestão do meu partido, o Solidariedade, para que eu analise a possibilidade de disputar a prefeitura de Aracaju, tenho refletido muito sobre a responsabilidade que sempre tive com o futuro da minha cidade. Com isso, tomei a decisão de procurar os partidos da federação PT, PV, PCdoB e do campo democrático para um diálogo franco sobre o quadro político da nossa capital”.

Ainda em sua nota, com “ares de pré-candidato a prefeito”, o presidente estadual do Solidariedade disse que “Não é hora de indefinições. Sou um homem público comprometido com projetos que buscam unir forças e promover a coletividade para o bem da sociedade”, encerrou o post no X. Procurado pela reportagem do Cinform On Line, Valadares Filho explicou que sua legenda tem acompanhado as movimentações políticas de Sergipe e tem feito levantamentos para consumo interno, fator determinante para que ele (VF) fosse incentivado a entrar na disputa.

“Não se trata de convencer A ou B de não disputar a eleição, mas de abrir uma discussão sobre quem realmente reúne chances de ganhar a eleição representando a Frente Democrática. Não estou contra ninguém e quero conversar com todos! Vou tentar formalizar uma reunião em junho com os dirigentes partidários para que a gente tente consolidar um projeto progressista para a nossa capital.  Como não sou ordenador de despesas, ainda sigo no cargo, mas poderei pedir meu afastamento no dia 6 de julho”, explicou o ainda Chefe da Assessoria Especial de Assuntos Parlamentares e Federativos da Secretaria-Geral da Presidência da República.

Aval de Márcio Macedo

Questionado pela reportagem sobre a posição do ministro Márcio Macedo diante desta movimentação de dialogar com os líderes partidários em Sergipe, Valadares Filho explicou que tem o aval do auxiliar do presidente Lula. “Só posso fazer qualquer manifestação após esta conversa que tentaremos com os representantes de todos os partidos que farei inicialmente de forma individual. Consultei Márcio e ele me disse que sou uma liderança consolidada em Aracaju, sou presidente estadual de partido e, portanto, tenho legitimidade para construir uma pré-candidatura que busque o apoio de todos no campo democrático”.

Apoio de Lula e vice

Valadares Filho explica que esta é uma discussão “ainda embrionária”, mas que pode resultar no apoio do presidente Lula em Aracaju. “Por enquanto nós vamos dialogar e eu vou colocar meu nome à disposição. Ainda é muito cedo, mas se toda esta construção der certo, nós poderemos ter o presidente Lula em nosso palanque na capital”. Questionado sobre que legenda indicaria o pré-candidato a vice-prefeito, Valadares Filho pontuou que esta discussão será tomada mais adiante e no momento mais adequado, possivelmente nas convenções.

Conversa com Edvaldo

Questionado pelo Cinform On Line sobre uma possível conversa com o prefeito Edvaldo Nogueira, presidente do PDT, e seu pré-candidato a prefeito Luís Roberto, Valadares Filho explicou que ela irá acontecer naturalmente. “Vou procurar o presidente do PDT sim! Tenho profundo respeito por Luís Roberto e nós poderemos caminhar juntos desde já ou um pouco lá na frente. O PDT e o ministro Lupi estão alinhadíssimos com o governo do presidente Lula. São aliados de forma direta! Queremos o PDT nesta discussão ampla com os representantes partidários”.

Sobre a relação de oposição que mantinha com o prefeito da capital nos últimos anos, Valadares Filho explicou que “nós precisamos debater Aracaju! Não tenho problema algum em debater com o prefeito Edvaldo Nogueira que eu reconheço que fez uma grande obra nossa capital. Vamos buscar todos os partidos que têm relação política com o governo Lula. Queremos ter um diálogo franco sobre a cidade e o futuro que queremos construir para a nossa sociedade”, acrescentou deixando no ar a possibilidade de uma reunião ampla com lideranças nacionais em Sergipe no mês de julho.

Grande Aracaju

Por fim, Valadares Filho explicou que apesar de o debate seguir em aberto na capital, o Solidariedade já tem posições firmadas na Grande Aracaju. “Em Nossa Senhora do Socorro o nosso compromisso é com o grupo do prefeito Padre Inaldo; na Barra dos Coqueiros vamos apoiar a pré-candidatura de Danilo Segundo (PT) para prefeito; e em São Cristóvão vamos caminhar com o agrupamento do prefeito Marcos Santana e do deputado Paulo Júnior (PV). Estes compromissos já estão firmados e definidos pela Executiva”. 

FRASES 

“Tenho refletido muito sobre a responsabilidade que sempre tive com o futuro da minha cidade” 

“Não estou contra ninguém e quero conversar com todos!” 

“Não tenho problema algum em debater com o prefeito Edvaldo Nogueira”

“Tenho profundo respeito por Luís Roberto e nós poderemos caminhar juntos” 

Sou um homem público comprometido com projetos que buscam unir forças e promover a coletividade para o bem da sociedade”

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  • Institutos federais pedem R$ 1 bilhão para alimentação de estudantes

    Reitores de institutos federais, Cefets e do Colégio Pedro II [...]

  • Gripe aviária: OMS pede maior vigilância de casos em animais e humanos

    O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom [...]

  • Pacientes não conseguem marcar exames em UBSs de Aracaju, comprova Ricardo Marques

    O vereador Ricardo Marques (Cidadania), apresentou durante uma sessão da [...]

  • FAB lança 336 mil litros de água para combater incêndios no Pantanal

    O Comando Conjunto da Operação Pantanal, da Força Aérea Brasileira [...]

  • Sistema de transporte intensifica fiscalização sobre o uso indevido dos cartões de gratuidade

    Desde o lançamento da campanha de biometria facial, o setor [...]