Equipe da Adema resgata Tamanduá-mirim em Laranjeiras


Atendendo a solicitação de um morador, uma equipe de fauna da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) efetuou o resgate de um Tamanduá-mirim (Tamanduá tetradactyla), em uma residência no município de Laranjeiras, no Território da Grande Aracaju.

Contido por populares e condicionado em um tambor de plástico na residência do solicitante, ao ser avaliado clinicamente, os profissionais constataram que o mamífero encontrava-se bastante saudável, tendo sido encaminhado à soltura em uma área de preservação ambiental.

Mamífero Xenartro da família Myrmecophagidae, o tamanduá-mirim ou tamanduá-de-colete, é bastante encontrado na Venezuela e no Sul do Brasil, especificamente em savanas, florestas e bordas de florestas, o que explica a sua presença na residência, uma vez que a sede municipal de Laranjeiras é circundada por diversos biomas, entre eles, a Mata Atlântica, além de estar próximo do Parque Nacional Serra de Itabaiana.

A Adema orienta à população que ao encontrar qualquer tipo de animal silvestre,  mantenha contato com a equipe plantonista de resgate, por meio do telefone (79) 99191-5535.

Previous Em reunião com ministro da Economia, prefeito de Aracaju alerta para crise do transporte público
Next Haiti nomeia novo primeiro-ministro após assassinato de presidente