Por falta de doses, Aracaju suspende vacinação contra covid por idade


Neste ponto facultativo em homenagem a São Pedro, dia 29, a Prefeitura de Aracaju irá vacinar contra covid-19 com primeira dose somente gestantes e puérperas, a partir de 18 anos, no auditório anexo à Escola Municipal Presidente Vargas, das 8h às 16h.
A suspensão na campanha de imunização contra a covid-19 para população em geral ocorre por falta de doses. O cronograma será retomado assim que o município receber mais imunizantes.
Gestantes e puérperas precisam apresentar documento que comprove gravidez ou o puerpério, como exame de sangue com resultado positivo, ultrassonografia ou caderneta de gestante, declaração de nascidos vivos ou certidão de nascimento da criança, além de documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência de Aracaju.
A segunda dose será administrada nas Unidades Básicas de Saúde Oswaldo de Souza, Manoel de Souza e Augusto Franco, das 8 às 16 horas, e no drive-thru de 8 às 17 horas.
As pessoas que estão com a segunda dose da vacina AstraZeneca agendada até o dia 3 de julho podem receber a sua dose antecipadamente. A estratégia auxilia a população a concluir seu esquema vacinal de maneira tranquila, evitando aglomerações e o risco de atrasos por não comparecimento.
O usuário que não recebeu a primeira dose no drive pode receber a segunda no local mediante apresentação obrigatória do cartão de vacinação e de documento com foto.
O Município tem avançado de maneira significativa na vacinação dos aracajuanos, alcançando a população acima de 39 anos, além de todos os grupos prioritários. Até esta segunda-feira, 28, mais de 264 mil pessoas foram imunizadas.
Previous Agência Espacial Europeia quer contratar astronauta com deficiência: "o espaço é para todos"
Next Prefeito de Rosário do Catete doa 40% do seu salário para aquisição de cestas básicas