Valmir de Francisquinho ganha liberdade após passar 15 dias preso


Desembargador revogou prisão na tarde desta quinta-feira

Após passar 15 dias preso no Presídio Militar, o prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho, ganhou a liberdade na tarde desta quinta-feira (22). Ele foi beneficiado por decisão judicial no processo judicial no qual foi decretada a prisão preventiva. Na decisão, o desembargador Diógenes Barreto substitui a prisão preventiva por medidas cautelares. A determinação foi dada pelos membros da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ). Além de Valmir, o desembargador também deu soltura para o secretário de Agricultura, Erotildes de Jesus, e mais três pessoas que foram presas durante a Operação Abate Final.

O advogado de defesa Evânio Moura contou que havia entrado com um pedido de revogação da prisão no TJ assim como com um Habeas Corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ) impetrado no dia 8 de novembro.

O prefeito Valmir de Francisquinho e equipe foram presos no dia 7 durante a Operação Abate Final, onde é acusado por associação criminosa e desvio de verbas referente aos serviços no matadouro de Itabaiana.

Previous Thiago Sol, Fábio Lima e Núbia Faro vão agitar a Quermesse Franciscana
Next Poder público e empresas desdenham a arte sergipana