Argentina apresenta seu primeiro caso de febre amarela


O primeiro caso de suspeita de febre amarela na Argentina foi notificado hoje, 20. Trata-se de um jovem de 28 anos que visitou recentemente o Rio de Janeiro sem estar com a vacina em dia, recomendação para viajar para o Estado. Segundo o Ministério da Saúde da Argentina o caso foi importado do Brasil.

A febre amarela é uma doença infecciosa grave e letal, causada por um vírus transmitido por um mosquito, e desde de junho de 2017 já vitimou 118 mortes no Brasil. Os estados mais afetados são do sudeste do Brasil.

Os sintomas envolvem febre amarela, calafrios, dores de cabeça e no corpo, náuseas, vômitos e fadiga. A prevenção da doença acontece através da vacinação e do combate dos mosquitos transmissores.

Previous Municípios do Agreste e Glória estão com abastecimento de água comprometido
Next Vacina contra o HPV é disponibilizada para adolescentes