Piauí legaliza substância da maconha (canabidiol) para tratar doenças.


A produção do canabidiol, substância presente na planta da maconha, a Cannabis sativa, foi legalizada no Piauí. O governador do Estado, Wellington Dias (PT), assinou a autorização nesta quinta-feira (28).

Os estudos e o processamento da substância iniciarão no começo do ano de 2018 e ficarão a cargo do Centro Integrado de Reabilitação (CEIR) e das universidades federal e estadual, que fabricarão o medicamento junto com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi).

De acordo com o governador, o Estado espera contar com uma câmara setorial de biotecnologia para apoiar a produção. Além disso, o intuito dessa iniciativa é beneficiar pessoas que sofrem com convulsões e epilepsias.

Previous Idoso de 79 anos banca namorado de 24 e perde casa após separação
Next Salário mínimo será de R$ 954 a partir de 1° de janeiro