Em cartaz o “Fantástico Mundo do Saber”


Com imaginação, números ganham vida e tornam o aprendizado mais divertido (Foto: Alanna Molina)

Espetáculo da Companhia dos Sonhos mostra que, com imaginação e criatividade, o aprendizado se torna divertido, em cartaz no Museu da Gente Sergipana

Um mundo mágico transforma o átrio do Museu da Gente Sergipana em “Uma Viagem ao Fantástico Mundo do Saber”, da Companhia dos Sonhos. Em temporada pelo projeto Teatro no Museu, o espetáculo segue em cartaz todos os sábados, sempre às 16h, até 12 de agosto.
Nessa viagem, crianças, jovens e até adultos embarcam em uma aventura cheia de emoção e mistérios junto com o jovem Filo, uma criança que não gosta de estudar. Em se u último dia de férias, antes do retorno aos indesejados estudos, acontece uma coisa estranha.
Números que ganham vida, um excêntrico rei sem súditos, um maluco mas muito sabido professor cientista, e uma perigosa esfinge que ameaça devorar aqueles que não decifrarem seus enigmas estão no percurso de Filo pelo “Fantástico Mundo do Saber” para que ele consiga voltar para casa.

ESPETÁCULO

Professor Gnosis, Filo e Rei Aron refletem sobre os desafios do “Fantástico Mundo do Saber” (Foto: Vanessa Silme)

“Essa é a história de um garoto que não gosta de estudar, o Filo. Em seu último dia de férias, ele vai dormir um pouco aborrecido com o retorno das aulas no dia seguinte. Mas, durante essa noite, ele vai para um lugar mágico e encantado, onde o Professor Gnosis, o Rei Aron, a mitológica Esfinge e outros personagens mostram a ele que estudar pode ser muito divertido, se você usar a sua imaginação e criatividade”, narra o autor e diretor do espetáculo, Kassem.
Em meio às aventuras do “Fantástico Mundo do Saber”, o espetáculo busca retratar como o ap rendizado está presente nas diversas experiências da vida, e como a criatividade pode tornar o aprendizado muito mais prazeroso e divertido, principalmente para as crianças.
“O emprego da ludicidade, da criatividade e diversão pode ser aplicado em coisas corriqueiras, em coisas mecânicas. Trazendo um pouco de imaginação e criatividade para qualquer atividade, ela acaba se tornando menos maçante, mais divertida, mais viva. Talvez a gente consiga mudar a perspectiva de mundo e aprendizado de algumas crianças”, acredita o autor.
Escrito e dirigido por Kassem, “Uma Viagem ao Fantástico Mundo do Saber” é produzido pelos atores Luca Piñeyro (Filo) e Marcelo Paz (Professor Gnosis), que ao lado dos atores Denver Paraizo (Esfinge) e Carlos Oliveira (Rei Aron) formam o elenco que dá vida aos expressivos personagens.

TEATRO NA INFÂNCIA
Recomendado para toda a família, para embarcar nessa aventura não precisa ser criança. Mas, ainda que não exista idade para aprender, o teatro se destaca por estimular crianças e jovens a desenvolverem suas capacidades de reflexão.
“O teatro acaba facilitando o entendimento de outras coisas da vida. Diferentemente da TV ou cinema, o teatro fala através de analogias e metáforas, assim como também a Literatura. Isso acaba abrindo o leque do jovem e da criança para o entendimento de outras metáforas que a vida lhe apresentará. Ele vai pensar de maneira diferente”, reflete o autor do espetáculo, Kassem.
O diretor da Companhia dos Sonhos, Luca Piñeyro, também propaga o teatro como um instrumento que auxilia o desenvolvimento do raciocínio. “O contato com o teatro desde pequeno deixa a criança mais preparada para a vida, porque ali ela vai poder passar por várias visões e reflexões. Ter esse contato é muito importante para aprender a pensar por si, a refletir sobre as coisas, a pensar sozinho. Muitas vezes na vida precisamos da capacidade de refletirmos sozinhos sobre as cois as”.

COMPANHIA DOS SONHOS
A Companhia dos Sonhos surgiu no ano passado, com a montagem do folclórico espetáculo “Fantasia”, que esteve em cartaz na temporada 2016 do projeto Teatro no Museu, também no Museu da Gente Sergipana.
“Os sonhos são uma realidade comum, vivida por todos, todos os dias. Muitas vezes os sonhos passam despercebidos e as pessoas, despercebidas de seus sonhos, despercebem-se a elas mesmas, afastando-se cada vez mais. A Companhia, utilizando a caixa mágica do teatro, traz a proposta de criar realidades, para qualquer enredo ser sonhado, vivido, realizado e compartilhado com todos que estiverem de peito aberto para sonhar em conjunto e fazer parte daquela realidade do início ao fim”, completa o diretor da Companhia dos Sonhos, Luca Piñeyro.
“Uma Viagem ao Fantástico Mundo do Saber” segue em cartaz todos os sábados até o dia 12 de agosto, sempre às 16h, no átrio do Museu da Gente Sergipana. A entrada fica no valor de R$ 10 (mei a entrada) e R$ 20 (inteira), sendo que um adulto acompanhado de criança paga meia.

Previous Marco Vilane e Alex Sant’Anna fazem show
Next Mídia digital e internet: um caminho sem volta!